Carga de energia bate novo recorde diante de altas temperaturas, diz ONS.

Meio ambiente também é assunto para a economia
23 de janeiro de 2019
Copel concentrará investimentos no Paraná, afirma Ratinho Jr.
28 de janeiro de 2019
Mostrar tudo

Carga de energia bate novo recorde diante de altas temperaturas, diz ONS.

Os recordes registrados neste ano quebraram picos vistos ainda em 2014, antes de o Brasil enfrentar uma severa crise econômica.

RIO DE JANEIRO, 22 Jan (Reuters) – A carga de energia
elétrica registrou novas máximas históricas nesta terça-feira no
país, superando recorde anterior da semana passada, diante das
altas temperaturas registradas no país, informou o Operador
Nacional do Sistema Elétrico (ONS) em nota.
Puxada pelo calor, que aumenta o uso de aparelhos de ar
condicionado, a carga máxima no sistema interligado do país
atingiu cerca de 87.500 megawatts nesta terça-feira, ante
recorde anterior de 87.183 megawatts em 16 de janeiro.
No Sudeste/Centro-Oeste, foi registrado pico de carga de
cerca de 52.700 megawatts, sendo que o recorde anterior era de
52.323 megawatts também no dia 16 de janeiro.
"Os recordes se devem às altas temperaturas registradas no
país", disse o ONS, na nota.

Os recordes registrados neste ano quebraram picos vistos
ainda em 2014, antes de o Brasil enfrentar uma severa crise
econômica.
A carga de energia representa a soma do consumo com as
perdas na rede elétrica.

(Por Marta Nogueira; edição de Roberto Samora)

 

Fonte: Último Instante – 22/01/2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *