Carros elétricos serão isentos do pagamento de EstaR e Greca indica uso compartilhado

Engenheiros da UFABC descobrem como aumentar eficiência de turbinas eólicas
12 de novembro de 2019
Fukushima renascerá como centro de energia eólica e solar de US $ 2,7 bilhões
14 de novembro de 2019
Mostrar tudo

Carros elétricos serão isentos do pagamento de EstaR e Greca indica uso compartilhado

A medida tem como objetivo incentivar o uso desses veículos e promover a redução da emissão de poluentes

 

Carros 100% elétricos serão isentos do pagamento nas vagas de Estacionamento Regulamentado (EstaR) em Curitiba, de acordo com decreto municipal assinado pelo prefeito Rafael Greca, no final da tarde desta segunda-feira (11). A medida tem como objetivo incentivar o uso desses veículos e promover a redução da emissão de poluentes.

 

 

Segundo o presidente da URBS (Urbanização de Curitiba), Ogeny Pedro Maia Neto, para garantir a isenção os proprietários dos carros elétricos terão que fazer uma cadastramento no site da URBS. “Ele entra lá, coloca seus dados e os dados do carro e já estará habilitado a não fazer o pagamento do EstaR. Com isso, os fiscais da Setran poderão acessar a plataforma e verificar que aquele carro tem isenção”, explicou Neto.

 

 

 

O vereador Bruno Pessuti, autor da lei que estabelece a política municipal de incentivo ao uso de carros elétricos ou movidos à hidrogênio, espera que a população ganhe cada vez mais incentivos para adquirir os veículos elétricos e ajudar a cidade a se desenvolver com mais qualidade de vida.

 

 

 

“Os carros elétricos melhoram muito a qualidade do ar e fazem com que a cidade se desenvolva com mais qualidade de vida. Gostaria de parabenizar o governador do estado pela lei que isenta o pagamento de IPVA desse veículos. Precisamos também buscar linhas de financiamento com juros muto baixos a longo prazo para permitir que o cidadão comum possa trocar o seu custo mensal de gasolina pelo custo de um carro elétrico”, disse o vereador que afirma que o custo de combustível com os modelos elétricos é menor comparado à gasolina.

 

 

 

“Para abastecer o Renault ZOE, por exemplo, são gastos cerca de 32 reais, o que traz uma autonomia de 320 a 350 quilômetros. Ele é mais ágil, seguro, econômico e exigi menor demanda de manutenção. Não é preciso trocar óleo e as pastilhas de freio, por exemplo, gastam menos pois utilizam a tecnologia de freio regenerativo”, esclarece Pessuti.

 

 

 

O prefeito Rafael Greca conta que no ano que vem os carros elétricos serão disponibilizados para aluguel, de forma parecida com o acontece hoje com bicicletas e patinetes. “Hoje nós temos só 89 carros elétricos na cidade, mas a ideia é que mais gente compre a partir de agora. No ano que vem, vamos colocar esses carros no regime de aluguel e empréstimo, como colocamos os patinetes e as bicicletas. Em Madri, na Espanha, isso já funciona e é tão bom quanto usar um Uber ou o ônibus”, revelou o prefeito.

 

 

 

A cerimônia de assinatura do decreto aconteceu na sede da Prefeitura de Curitiba, no Centro Cívico.

 

 

Escrito por: Rodrigo Schievenin e Daniela Sevieri

Fonte: Banda B

Link da notícia: https://www.bandab.com.br/cidades/carros-eletricos-serao-isentos-do-pagamento-de-estar-e-greca-indica-uso-compartilhado-em-curitiba/

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *