Casa dos Ventos investirá R$ 6,5 bilhões em parques eólicos até 2023

Empresa de energia solar que promete 16% ao mês pode ser pirâmide, diz CVM
9 de junho de 2020
Furnas coloca em operação protótipo de sistema eólico
9 de junho de 2020
Mostrar tudo

Casa dos Ventos investirá R$ 6,5 bilhões em parques eólicos até 2023

Empresa vai implantar e operar quatro projetos que somam 1.500 MW na Bahia e no Rio Grande do Norte


A Casa dos Ventos prevê investir R$ 6,5 bilhões para implantar e operar 1.500 MW de energia eólica até 2023. Parte do investimento será de capital próprio e o restante terá financiamento do BNDES e do BNB.


Os 1.500 MW estão divididos em quatro projetos na Bahia e no Rio Grande do Norte, dos quais dois já estão com toda a capacidade contratada, 650 MW, e os outros dois, que somam 850 MW, tiveram uma pequena parcela vendida no leilão A-6 de 2019 e a maior parte será destinada ao mercado livre em contratos a serem fechados ainda.


A empresa está focando em garantir contratos de compra e venda de energia (PPAs, na sigla em inglês), em prazos de 15 a 20 anos, com grandes e médios consumidores, dando a oportunidade do cliente também se tornar sócio do empreendimento e autoprodutor, o que traz isenção de encargos para o cliente.


“A nossa ideia é não alienar 100% dos ativos como fizemos no passado. Mas começar a retê-los para termos uma plataforma de ativos de geração pro longo prazo” disse ao EnergiaHoje o diretor de Novos Negócios da Casa dos Ventos, Lucas Araripe. Entre 2016 e 2018, a empresa vendeu 1.100 MW de empreendimentos que operava.


Paralelamente, a empresa está negociando a venda de um projeto eólico de 1.200 MW no Rio Grande do Norte para a AES Tietê.


Obras



A pandemia de Covid-19 não está atrasando o andamento das obras da companhia. O parque eólico Folha Larga Sul (150 MW, BA) está em fase final de comissionamento de turbinas e deve iniciar operação comercial plena até julho. O empreendimento tem contrato com a Vale por 23 anos. Já o parque Rio do Vento (500 MW, RN) está em fase inicial de construção e está previsto para entrar em operação em 2021. O projeto já está com todos os PPAs assinados com empresas de grande e médio porte.


Os outros projetos que a Casa dos Ventos vai construir e operar são a fase 2 do Rio do Vento, de 500 MW, e um na Bahia, de 350 MW, ambos com previsão de entrada em operação no primeiro semestre de 2023.


Solar



A Casa dos Ventos tem ainda uma carteira de projetos solares de 5 GW e conta com um time dedicado para alcançar a viabilização do primeiro projeto dessa fonte. Os projetos estão espalhados pelo Nordeste, Centro-Oeste e Norte de Minas Gerais. Com uma mudança regulatória, Araripe enxerga a possibilidade da companhia viabilizar projetos híbridos, combinando eólica e solar.


Fonte : Energia Hoje

Escrito por : Thais Custodio

Link da Notícia : https://energiahoje.editorabrasilenergia.com.br/casa-dos-ventos-investira-r-65-bilhoes-em-parques-eolicos-ate-2023/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *