PLD aumenta 15% nos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul e Norte

Com crise, mercado livre de energia atrai mais empresas
18 de agosto de 2020
Revisão prevê aumento médio de tarifa de 3,5% no Piauí
1 de setembro de 2020
Mostrar tudo

PLD aumenta 15% nos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul e Norte

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período de 29 de agosto a 4 de setembro teve alta nos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul e Norte. O preço subiu 15% nas regiões, saindo de R$ 58,27/MWh e indo para R$ 66,89/MWh. O Nordeste apresentou queda de 9%, saindo de 56,82/MWh e sendo fixado em R$ 51,88/MWh.

O principal fator responsável pelo aumento do PLD foi a expectativa menos otimista de afluências para o Sistema Interligado Nacional (SIN). Além disso, os limites de envio de energia da região Nordeste foram atingidos em todos os patamares, mantendo o descolamento dos preços dos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul e Norte em relação aos demais

Espera-se que as afluências de agosto de 2020 fechem em torno de 86% da média de longo termo (MLT) para o SIN, sendo aproximadamente 85% na região Sudeste/Centro-Oeste, 97% no Sul, 71% na região Nordeste e 71% na região Norte.

Para o próximo mês, são esperadas afluências em torno de 80% para o sistema, sendo 78% na região Sudeste, 89% na região Sul, 66% na região Nordeste e 76% na região Norte.

Neste mês, foi considerado a atualização referente a 2ª Revisão Quadrimestral da Carga que não apresentou alterações significativas na carga para o período de 2020 a 2024. Além da revisão quadrimestral, a atualização da previsão de carga dos dois primeiros meses (setembro e outubro) teve redução média de aproximadamente -30 MW médios e -97 MW médios, respectivamente.

A expectativa para a próxima semana operativa é de que a carga para o SIN fique cerca de 1.539 MWmédios médios mais baixa do que a previsão anterior, com redução na previsão em todos os submercados: no Sudeste/Centro-Oeste (-1.313 MWmédios); Sul (-49 MWmédios); Nordeste (-40 MWmédios) e Norte (-137 MWmédios).

Já os níveis dos reservatórios do SIN ficaram cerca de 202 MW médios acima do esperado. Os níveis estão mais altos no submercado Sul (+179 MW médios) e Nordeste (+413 MW médios) e mais baixos no Sudeste/Centro-Oeste (-204 MW médios) e no Norte (-186 MW médios) em relação a expectativa anterior.

O fator de ajuste do MRE para o mês de agosto de 2020 está estimado em 62,8%, e a previsão para setembro é de 61,4%. O ESS previsto para agosto de 2020 está em R$ 13,2 milhões, sendo R$ 8,9 milhões referentes à restrição operativa e R$ 4,3 milhão a Unit Commitment. Para setembro de 2020, a previsão é de R$ 12,6 milhões, referentes apenas às restrições operativas.

Fonte : CCEE

link da Notícia : https://www.ccee.org.br/portal/faces/pages_publico/noticias-opiniao/noticias/noticialeitura?contentid=CCEE_656676&_adf.ctrl-state=8idir9yh4_1&_afrLoop=698842076309708#!%40%40%3Fcontentid%3DCCEE_656676%26_afrLoop%3D698842076309708%26_adf.ctrl-state%3D8idir9yh4_5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *