Safra dos ventos deve suportar a crise hídrica, preveem especialistas

Renova (Cemig) dá preferência ao Mubadala na Brasil PCH
28 de julho de 2021
Cresce demanda por condomínios adaptados para carregamento de carros elétricos
28 de julho de 2021
Mostrar tudo

Safra dos ventos deve suportar a crise hídrica, preveem especialistas

Diante do período hidrológico mais crítico, a safra dos ventos vai assegurar o sistema elétrico. É o que preveem especialistas do setor elétrica. O nome é dado nessa época do ano em que os ventos no Nordeste sopram mais fortes e as condições de geração eólica também ficam mais favoráveis à geração desta fonte, ressaltando a complementaridade das fontes hídricas com as eólicas.

As eólicas vêm batendo sucessivos recordes e pela primeira vez na história a fonte abasteceu todo o Nordeste durante um dia todo, segundo dados do Operador Nacional do Sistema (ONS), reforçando a característica do Nordeste de ser um exportador de energia renovável a outras regiões do Brasil.

A capacidade instalada hoje no Brasil é de cerca de 19 GW, com perspectivas de chegar a 30 GW em 2024, ajudando o Brasil a superar futuras crises que eventualmente possam acontecer. Com o período operativo mais desafiador, o diretor-geral do ONS, Luiz Carlos Ciocchi, diz que quase todos os dias a geração eólica ultrapassa 11 mil MW instantâneo ou médio. “A safra dos ventos aguenta muito tempo e até o final do ano vamos colhendo esses ventos todos”.

Ciocchi lembra que a transmissão ainda é o grande limitador do setor “por conta de atrasos em projetos e obras, mas esses atrasos estão previstos para serem eliminados até o final do ano”, prevê.

Atualmente as eólicas já abastecem cerca de 11% da demanda de energia no Brasil e para que o Nordeste seja cada vez mais exportador de energia ao resto no Brasil “investimento em infraestrutura de transmissão é mandatório”, diz o executivo.

A presidente executiva da Associação Brasileira de Energia Eólica, Elbia Gannoum, concorda que a transmissão ainda é um gargalo do setor eólico, mas acrescentou que a demanda também pode ser um fator importante. “A gente sabe que a economia brasileira não está crescendo tanto e embora a gente tenha uma contratação boa, inclusive no Mercado Livre, a gente precisa de um crescimento do PIB para poder contratar”, diz Gannoum.

Fonte: canal energia https://www.canalenergia.com.br/noticias/53181632/safra-dos-ventos-deve-suportar-a-crise-hidrica-preveem-especialistas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *