Pular para o conteúdo

ITAIPU ALERTA PARA INÍCIO DE ESTIAGEM E MAIOR RISCO DE QUEIMADAS

A Itaipu Binacional está atuando em várias frentes nos esforços de prevenir e combater incêndios florestais nas áreas protegidas da usina e arredores. Entre maio e outubro, período de estiagem, a ocorrência de queimadas aumenta, provocando danos ao meio ambiente e podendo causar interrupções no suprimento de energia elétrica.

Para conscientizar a população, uma série de inserções em veículos de comunicação traz orientações sobre os riscos e prejuízos causados pelo fogo. Campanhas como essas são intensificadas, nessa época, por diversas empresas do setor elétrico, como Copel e Furnas.

A Brigada Florestal de Itaipu, formada por empregados da binacional e terceirizados, ampliou o planejamento de ações com os municípios lindeiros, para que estejam disponíveis caminhões-pipa, maquinários de combate às chamas e recursos para pagamento de horas-homem para serviços emergenciais relacionados aos incêndios florestais. Itaipu também mantém equipamentos básicos próprios para esse tipo de trabalho, incluindo embarcações, e contratos com empresas especializadas nesses trabalhos emergenciais.

O Parque Tecnológico Itaipu (PTI), por sua vez, colocou à disposição dos brigadistas da usina uma ferramenta de monitoramento de risco de incêndios, com base em dados meteorológicos da região onde as áreas protegidas se encontram. A ferramenta, similar às utilizadas pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e pelo Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar), permite um planejamento de emissão de alertas aos municípios lindeiros ao reservatório, para haver posicionamento de equipamentos e utilização de prestadores de serviços, em antecipação a uma ocorrência.

Doação aos bombeiros

Nesta semana, o Corpo de Bombeiros do município de Guaíra, que faz parte do 4º Grupamento de Bombeiros de Cascavel, recebeu um caminhão ABTF, equipado para o combate a incêndios florestais, adquirido com recursos da Itaipu Binacional. O governo do Estado, por sua vez, doou aos bombeiros de Guaíra uma caminhonete para busca e resgate.

Experiência internacional

O engenheiro florestal Heitor Renan Ferreira, da Divisão de Áreas Protegidas da Itaipu Binacional, participou, na cidade de Porto, em Portugal, da 8ª Conferência Internacional sobre Incêndios Florestais. A conferência, que aconteceu de 16 a 19 de maio, reuniu mais de 1,6 mil participantes de 90 países.

O tema central é a construção conjunta de princípios de governança para o desenvolvimento de uma estrutura internacional, cujo objetivo é construir paisagens e sociedades resilientes aos incêndios florestais.

A participação da Itaipu Binacional visa aperfeiçoar sua gestão das áreas protegidas por meio de atualização, discussão e troca de experiências acerca desta problemática, que traz prejuízos a todo o planeta. Os participantes apresentam resultados do trabalho de domínio de incêndios florestais e trocam experiências e conhecimentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: